Câmara convida ex-Apex Letícia Catelani a dar explicações em Comissão

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (15) convite para a ex-diretora da Agência de Promoção à Exportação (Apex) Letícia Catelani, exonerada do cargo na semana passada. Os parlamentares querem que ela esclareça a afirmação de que seu afastamento está ligado ao fato de ela não ter aceitado pressões do governo de Jair Bolsonaro para a manutenção de "contratos espúrios". A data da audiência pública ainda será definida.

O requerimento foi apresentado pelos deputados Rubens Bueno (Cidadania-PR), Aécio Neves (PSDB-MG) e Arlindo Chinaglia (PT-SP). "Trata-se de uma denúncia grave que precisa de esclarecimentos. Queremos saber quem fez a pressão, quais são os contratos espúrios e a que se referem. Um caso como esse precisa ser esclarecido para que se investigue a existência de um possível esquema de tráfico de influência ou mesmo corrupção no órgão", afirmou Rubens Bueno.

Notícia



Em petição, Aras diz que determinação de Toffoli é desproporcional

Na petição que enviou nesta sexta-feira, 15, ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, pedindo que revogue a determinação para o envio de relatórios financeiros produzidos dos últimos três anos pela Unidade de Inteligência Financeira (antigo Coaf) e pela Receita Federal, o procurador-geral da República, Augusto Aras, diz que a "medida é desproporcional" e põe em risco a integridade do sistema de inteligência financeira...